Blog

7 benefícios do vinho comprovados por respeitados estudos


7 benefícios do vinho comprovados por respeitados estudos

Muito se fala a respeito dos benefícios do vinho para o organismo. Entre alguns mitos e o que é verdade, faz, sim, bem à saúde.


Talvez este seja até um dos motivos do aumento no consumo da bebida em todo o mundo, e também no Brasil.

Atualmente, é a terceira bebida alcoólica mais consumida do país. São mais de 300 mil litros ao ano — perdendo para a cachaça e para a cerveja, em primeiro lugar no ranking.

Se você procura por motivos para acrescentar um bom rótulo à sua rotina, acompanhe os dados científicos atuais do nosso post!

Vinho e saúde: uma combinação excelente

A associação entre vinho e saúde remete há alguns séculos, quando a bebida era usada no tratamento de doenças.

O fato é que a presença de uma molécula conhecida como resveratrol, encontrada na casca das uvas, tem o poder de aumentar os níveis de colesterol bom, reduzir a pressão arterial e equilibrar a quantidade de açúcar no sangue.

Assim como qualquer bebida alcoólica, seu consumo deve ser moderado. No entanto, os benefícios do vinho podem aparecer a partir da ingestão diária de uma quantidade ideal: 200 ml para as mulheres (uma taça) e 300 a 400 ml para os homens (duas taças).

Inúmeros benefícios do vinho fazem a bebida ideal para o dia a dia.


7 benefícios do vinho para a sua saúde

Para ajudar você a entender melhor quais são os benefícios do vinho para a sua saúde, reunimos 7 grandes vantagens.

Cada uma delas foi baseada em estudos científicos recentes que atestam a sua veracidade. Confira!


1. Prolonga a vida

Por mais improvável que pareça, o consumo de vinho, cerveja e chocolate é a chave para uma vida mais longa.

 É o que diz um estudo conduzido pela Universidade de Varsóvia e publicado no JournalofInternal Medicine.

Realizada com mais de 68 mil participantes suecos, a pesquisa mostrou que dietas que contêm esses alimentos apresentam propriedades anti-inflamatórias e reduzem em até 20% as chances de morte prematura.


2. Faz bem ao cérebro

Quando consumido nas quantidades ideais que citamos anteriormente, o maior benefício do vinho é melhorar a saúde do cérebro.

O artigo com a pesquisa foi conduzido pela Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, e publicado na revista Nature.

No estudo, ratos foram expostos à bebida: os que consumiram baixas quantidades demonstraram menos inflamação cerebral; já os que consumiram altas quantidades apresentaram prejuízos cognitivos e motores.


3. Melhora a circulação

O consumo de vinho também facilita a circulação sanguínea, evitando doenças cardiovasculares.

 É o que afirma o cardiologista Wilton Gomes, consultor do programa Estúdio C, exibido pela afiliada da Rede Globo de Televisão, no Paraná.

Segundo ele, a composição da bebida apresenta flavonoides, substâncias com propriedades antioxidantes.

São elas que equilibram os níveis de colesterol e mantêm nossas células livres de toxinas e placas de gordura.


4. Diminui o risco de diabetes

Entre outros benefícios do vinho, está a diminuição de 30% do risco de diabetes em homens que consomem sete taças e em mulheres que consomem uma ou mais taças semanalmente. O estudo foi publicado pela revista Diabetologia.

A Universidade do Sul da Dinamarca acompanhou 76.484 participantes por quase cinco anos.

O vinho ganhou destaque pela presença de polifenóis, substância que reduz o açúcar no sangue.


5. Reduz sintomas de depressão

Os sintomas de depressão são muito menores entre mulheres que consomem álcool com moderação.

O diagnóstico foi resultado de um longo estudo da Universidade de Navarra, na Espanha, que acompanhou mais de 18 mil pessoas entre 1999 e 2012.

Para os autores da pesquisa, a preferência por vinho tinto consumido durante as refeições demonstrou grande tendência na redução da depressão.


6. Aumenta a libido

Para os casos de impotência ou mesmo de baixo apetite sexual, o benefício do vinho está em aumentar a libido, principalmente entre mulheres.

 A constatação foi publicada em 2009 pelo Journalof Sexual Medicine.

O estudo foi realizado com quase 800 mulheres italianas, divididas em grupos conforme seu hábito diário de consumo da bebida.

As que apresentaram maior índice de desejo sexual consumiam de uma a duas taças de vinho por dia.


7. Colabora com o sono

O vinho é capaz de oferecer uma noite de sono com muito mais qualidade.

O tinto, especialmente, ajuda o corpo a se recuperar da rotina diária, segundo uma pesquisa da Universidade de Milão, publicada no Journalofthe Science ofFoodandAgriculture.

Os estudiosos identificaram uma grande presença de melatonina em algumas espécies de uvas.

Além de ser um potente antioxidante e desintoxicante celular, esse hormônio é responsável por conduzir o corpo ao sono.

Conclusão sobre os benefícios do vinho

Não bastasse ser uma delícia, vinho faz bem e ponto. Então alie o prazer com os benefícios e curta muito os momentos adoráveis que uma boa taça de vinho proporciona, principalmente junto aos amigos e familiares.

E se você está começando agora a descobrir este mundo, veja dicas para iniciar de forma correta.


Leave a Comment